ARTIGO

Olhar pedagógico

Abusos infantis revelados nas aulas de educação sexual

Para prevenir o abuso e exploração infantil, o município de Itumbiara, GO, criou há mais de 12 anos para suas escolas públicas uma iniciativa voltada à educação sexual, o Projeto Prevenção e Qualidade de Vida com Amor Exigente (PQV- AE). A iniciativa visa apresentar aos […]

Publicado em 20/06/2022

por Redação revista Educação

livro-pipo-e-fifi Pipo e Fifi: Ensinando Proteção contra Violência Sexual (ed. Caqui)

Para prevenir o abuso e exploração infantil, o município de Itumbiara, GO, criou há mais de 12 anos para suas escolas públicas uma iniciativa voltada à educação sexual, o Projeto Prevenção e Qualidade de Vida com Amor Exigente (PQV- AE). A iniciativa visa apresentar aos alunos os limites do toque “sim” e “não”. O livro Pipo e Fifi: Ensinando Proteção contra Violência Sexual (ed. Caqui), de Caroline Arcari, serviu de apoio para uma professora abordar o tema, quando uma de suas alunas, de 12 anos, contou que seu avô – segundo o portal UOL -, a tocava com o toque do “não”. A professora pediu para a menina desenhar e assim trouxe mais detalhes. O Conselho Tutelar foi acionado pela educadora e o criminoso, preso no início de junho.


Leia: Educação sexual nas escolas diminui doenças e gravidez precoce

Benefícios e dificuldades de implantar projetos de educação sexual nas escolas


Também em Itumbiara, em março, um “avôpadrasto”, de 86 anos, foi preso. Durante aula de educação sexual, uma criança começou a chorar. A professora conversou com a pequena no particular e descobriu o abuso.

Na decisão, o juiz alegou: “A educação sexual é uma das formas mais eficazes de prevenir e enfrentar o abuso sexual contra crianças e adolescentes. Ensinar, desde cedo e com abordagens apropriadas para cada faixa etária, conceitos de autoproteção, consentimento, integridade corporal, sentimentos e a diferença entre toques agradáveis e bem-vindos, dos toques que são invasivos e desconfortáveis, é fundamental para aumentar as chances de proteger crianças e adolescentes de possíveis violações”.

Livro Pipo e Fifi tem 32 páginas, foi lançado em 2018 e está na média de 45 reais. A ilustração é de Isabela Santos.

Escute nosso episódio de podcast:

Autor

Redação revista Educação


Leia Olhar pedagógico

Sustentabilidade

Mais que aprender, vivenciar

+ Mais Informações
Aluna matemática

Aprende mais quem aprende matemática de forma cooperativa

+ Mais Informações
solve-for-tomorrow-brasil

Solve For Tomorrow Brasil: a força da educação STEM na escola pública

+ Mais Informações
biblioteca fazer docente

Fazer docente: é preciso liberdade para o educador explorar e criar

+ Mais Informações

Mapa do Site