NOTÍCIA

Conhecimento

Campanha reforça o respeito e o acolhimento no ambiente escolar

Para estimular a volta às aulas neste segundo semestre e reforçar a escola como um lugar de valorização das ideias e das relações, a Globo e a Fundação Roberto Marinho lançam uma nova campanha voltada para toda comunidade escolar. Parte do Movimento LED – Luz […]

Publicado em 08/08/2023

por Redação revista Educação

Para estimular a volta às aulas neste segundo semestre e reforçar a escola como um lugar de valorização das ideias e das relações, a Globo e a Fundação Roberto Marinho lançam uma nova campanha voltada para toda comunidade escolar. Parte do Movimento LED – Luz na Educação e com a a tagline “Volta às aulas, tudo que é bom tem que estar presente”, o trabalho retrata a sala de aula como um ambiente para troca de conhecimento, seguro, acolhedor e, também, divertido. 


Leia também

Acolhimento: caminhos para promover a inteligência emocional na educação

Socioemocional: espaço social de convivência, a escola deve desenvolver a habilidade de estarmos juntos


O filme apresenta estudantes respondendo à tradicional chamada, mas de uma maneira especial: fazendo referência à thread do momento nas redes sociais. Cada aluno marca sua presença indicando aquilo que não pode faltar no ambiente escolar, por exemplo, professor, alunas, alunos, paz, diversidade, entre outras ideias. A peça está em exibição nos intervalos da TV Globo e canais por assinatura da empresa. As redes sociais da companhia também embarcam na divulgação com conteúdos especiais.  

Para a Globo, a educação é um compromisso histórico. Parte, inclusive, de seus compromissos com a Agenda ESG. Em relação ao tema volta às aulas, a empresa já apoiou diversas ações e campanhas, buscando contribuir com a diminuição da evasão escolar no país. 

Assunto extremamente relevante, uma vez que, segundo dados de 2022 da PNAD Contínua (IBGE), quase 1,4 milhões de crianças e jovens, entre 4 e 17 anos, estavam fora das escolas.

volta às aulas

Fortalecendo ainda mais o compromisso da Globo e da Fundação Roberto Marinho com a educação, foi criada a Frente pela Paz nas Escolas. Além das instituições conselheiras consultivas do Movimento LED como Todos pela Educação, Unicef, CIEB (Centro de Inovação para a Educação Brasileira), Unesco, Atlas da Juventude, Porto Digital, Vale do Dendê, ITS (Instituto de Tecnologia Social), Fundação Bradesco, OEI (Organização de Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura), e os apoiadores institucionais Consed (Conselho Nacional de Secretários de Educação) e Undime (União dos Dirigentes Municipais de Educação), fazem parte da iniciativa como parceiros de conteúdo Ashoka, Instituto Alana, Fundação Maria Cecília Souto Vidigal, Movimento pela Base, Fundação Itaú, Sesi, Fiesp, Sebrae, Mapa Educação, CNI (Confederação Nacional da Indústria) e Fundação 1 Bi, que, juntas, assinam a campanha.  

Assista aqui ao vídeo da campanha: https://www.youtube.com/watch?v=5EyoZ1OgTtA

Leia também:

António Nóvoa: aprendizagem precisa considerar o sentir

Autor

Redação revista Educação


Leia Conhecimento

aprendizado

Proporcionar estratégias variadas favorece o aprendizado

+ Mais Informações
Samsung Innovation Campus

Samsung Innovation Campus prepara estudantes para o mercado de trabalho

+ Mais Informações
Rio Grande do Sul como doar

SOS Rio Grande do Sul: como doar para instituições educacionais

+ Mais Informações
memória coletiva

A importância da memória coletiva

+ Mais Informações

Mapa do Site