Guia auxilia secretarias de Educação a implantarem e executarem o ensino remoto

Desenvolvido pelo CIEB, ferramenta indica diferentes estratégias de aprendizagem não presencial, promovendo o ensino híbrido

Em um país marcado pela desigualdade de acesso, a aula online pode aprofundar ainda mais a lacuna da educação pública. Contudo, para apoiar as secretarias de Educação no pós-pandemia a adotarem o ensino híbrido, que mescla presencial com remoto, o CIEB (Centro de Inovação para a Educação Brasileira) desenvolveu gratuitamente o Guia de implementação de estratégias de aprendizagem remota (clique aqui para acessá-lo).

Trata-se de um passo a passo detalhado sobre como colocar em prática sete possibilidades de ensino e aprendizagem remotos. “São estratégias de aprendizagem fundamentais tanto para esse período de isolamento social como para a fase pós-pandemia. Quando as escolas reabrirem, será preciso fazer uma recuperação dos conteúdos e das competências que não puderam ser trabalhados, e a adoção do ensino híbrido será uma das formas de alcançar esse objetivo”, conta Lúcia Dellagnelo, diretora-presidente do CIEB.

Leia: Entenda o que é uma educação antirracista e como construí-la

Divisões

As estratégias para o ensino remoto foram agrupadas em quatro grupos:

Rádio e TV:

Transmissão de aulas e conteúdos educacionais via televisão;

Transmissão de aulas e conteúdos educacionais via rádio;

Materiais impressos:

Envio de material impresso com conteúdos educacionais;

Videoaulas pelas redes sociais:

Aulas ao vivo e on-line transmitidas por redes sociais;

Videoaulas gravadas e disponibilizadas em redes sociais;

Conteúdos em plataformas digitais:

Disponibilização de plataformas de ensino on-line;

Envio de conteúdos digitais em ferramentas on-line.

O apoio a professores no desenvolvimento de competências digitais e a flexibilização do currículo são exemplos de orientações que compõem algumas das etapas. Sem falar no olhar para a infraestrutura e organização de equipes.

O guia foi elaborado após o Cieb liderar pesquisas como esta que subimos no site: Covid-19: para as secretarias de Educação, desafios imensos.

ensino remoto secretarias de Educação

Parte de uma área do guia vista pelo celular

Leia também:

O lado B das fake news e como combatê-las

Tutoria digital, ponto fraco nas escolas

Envie um comentário

Your email address will not be published.