Campanha pede internet de qualidade nas escolas

Quase todas as escolas públicas do Brasil (99%) têm computador. Entre elas, 95% têm acesso à internet, de acordo com o Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic). Esta pesquisa mostrou, porém, que 57% delas não cumprem os 2 megabit por segundo, velocidade mínima estabelecida pelo Programa Banda Larga nas Escolas. Pensando nisso, uma campanha está mobilizando a comunidade educacional a exigir internet de qualidade nas escolas brasileiras.

A primeira missão da Internet na Escola é mobilizar o poder público a instalar no mínimo 10 mega de velocidade em todas as escolas brasileiras até 2016. Para isso, os organizadores lançaram um sistema que envia um email-padrão para Dilma pedindo políticas públicas para alcançar o objetivo. Basta você preenchê-lo com seu nome e endereço de e-mail. A segunda ferramenta é um teste de velocidade da conexão, que pode ser feito por qualquer um que esteja acessando de uma escola brasileira.

Por último, a campanha também está mobilizando pessoas para organizar eventos pela causa por todo o Brasil. Com ajuda dos organizadores, alunos ou professores podem organizar o “Dia da Conectividade” na sua escola. As instruções são passadas após um cadastro no site do Internet na Escola.

A iniciativa da campanha é do Insituto Inspirare, Fundação Lemann, Nossas Cidades e ITS Rio.